Actualidade

Sindicato denuncia sete enfermeiros diagnosticados com gripe A no Garcia de Orta

06 | 02 | 2019   13.50H

O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses alertou hoje que sete enfermeiros foram diagnosticados com gripe A no Hospital Garcia de Orta, em Almada, devido à sobrelotação e à forma como os doentes são encaminhados, mas a administração do hospital desmente.

"Há, pelo menos, sete enfermeiros confirmados com gripe A. Deve-se à sobrelotação e à forma como os doentes estão a ser encaminhados na própria urgência e, em particular, nos serviços de internamento. Foi onde tivemos, não só casos de gripe A diagnosticados em duas enfermeiras, mas também uma utente com gripe A que esteve internada em corredor, ou seja, sem qualquer medida de proteção em termos de contágio", disse à Lusa a dirigente do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP), Zoraima Cruz Prado.

Contudo, o presidente do conselho de administração do Garcia de Orta, Joaquim Ferro, afirmou hoje que apenas "três enfermeiros" contraíram a doença, e que "só dois são do serviço da urgência", os quais tiveram tratamento e isolamento em casa e já retomaram ao serviço.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

3 comentários

  • E tu aprendeste asneiras com a tua burra..
    malhão | 06.02.2019 | 18.11Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Ó «Povinho» eu não sei qual é a sua habilitação, mas pelo menos para despejar caixotes de lixo deve dar, por isso deveria de ser recrutado como voluntário para executar esse serviço; e de borla, se não puder substituir os tais enfermeiros cujo despedimento vc aconselha
    Zé da burra o alentejano | 06.02.2019 | 17.09Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • O GOVERNO DEVIA DE ACABAR COM ESSES SINDICALISTAS SEP BANILOS QUE NUNCA FIZERAM NADA NA VIDA SÓ COMEM A CUSTAS DO POVO
    O povinho | 06.02.2019 | 16.34Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE