PUBLICIDADE
Venezuela

Ativista lusodescendente apela a António Guterres para ajudar o país

07 | 02 | 2019   05.23H

Ana Maria da Costa, irmã do politólogo Vasco da Costa, atualmente preso, sonha com a liberdade do irmão, mas já só acredita nisso quando a Venezuela for livre e pede ajuda a António Guterres.

Em entrevista à agência Lusa, em Caracas, Ana Maria da Costa colocou muitas das suas esperanças para o futuro da Venezuela no português António Guterres, secretário-geral das Nações Unidas.

E lançou o apelo: "António Guterres tem que meditar um pouco mais na sua posição. E não pode esquecer o que se está a passar na Venezuela, onde os direitos humanos são violados diariamente de uma forma brutal".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE