Actualidade

Tribunal absolve Pedro Dias de furto qualificado numa herdade do Alentejo

11 | 02 | 2019   17.02H

Pedro Dias, condenado à pena máxima de 25 anos por vários crimes em Aguiar da Beira, foi hoje absolvido pelo Tribunal de Évora do crime de furto qualificado numa herdade do Alentejo em 2012.

Na leitura do acórdão, a juíza que presidiu ao coletivo que julgou o caso referiu que o tribunal absolveu Pedro Dias dado que a "única ligação" que existe entre o arguido e o crime é a sua "posse de alguns objetos" furtados.

O furto ocorreu na noite de 08 para 09 de março de 2012, na Herdade do Zambujal do Conde, no concelho de Évora, tendo sido levadas armas, obras de arte e artigos de arte equestre, num valor total de cerca de 300 mil euros.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE