Actualidade

Detetada 'legionella' no edifício do IPO de Lisboa mas sem doentes infetados

20 | 02 | 2019   10.31H

A bactéria da 'legionella' foi detetada no edifício do Instituto Português de Oncologia (IPO) de Lisboa, mas "não há nenhum doente infetado" ou com suspeita de infeção, disse hoje à Lusa o presidente da instituição.

A TVI noticiou hoje que a bactéria responsável pela doença dos legionários foi detetada no IPO de Lisboa.

Contactado pela agência Lusa, o presidente do IPO de Lisboa, João Oliveira, afirmou que "não há nenhum surto de legionelose [doença dos legionários] no IPO" e que "não há nenhum doente infetado, não há nenhum doente com suspeita de infeção".

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Pois n-ao porque tinham sido dispensados pelos enfermeiros
    al berto | 20.02.2019 | 13.26Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE