PUBLICIDADE
Actualidade

Experiência na Rússia isola seis pessoas durante quatro meses para testar viagem à Lua

19 | 03 | 2019   17.33H

O cosmonauta russo Evgeny Tarelkin e mais cinco voluntários, dois deles norte-americanos, vão estar isolados do exterior durante quatro meses numa experiência que visa testar uma viagem à Lua.

A tripulação fictícia começou hoje a sua 'clausura' num complexo experimental instalado no Instituto de Problemas Biomédicos de Moscovo, na Rússia. O complexo é formado por módulos cilíndricos em cujo interior é simulada a superfície lunar.

Evgeny Tarelkin, que já esteve quase cinco meses no espaço, na Estação Espacial Internacional, entre 2012 e 2013, participou anteriormente num ensaio de uma aterragem em Marte.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Os russos querem preparar-se para uma viagem à Lua ou a Marte? Se é à Lua, estão atrasados de algumas décadas relativamente aos americanos.
    lunático | 19.03.2019 | 21.08Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE