Timor-Leste/20 anos

Destruição de estruturas locais foi o grande erro indonésio -- Yenny Wahid

15 | 04 | 2019   07.33H

A ativista indonésia Yenni Wahid considerou hoje que a destruição das estruturas locais foi, a par das atrocidades, o maior erro da gestão de Suharto em Timor-Leste.

Em entrevista à Lusa, a filha do ex-Presidente Wahid que acompanhou como jornalista o referendo de 1999, criticou o modelo de gestão do regime de Suharto em Timor-Leste, destruindo o modelo tradicional existente.

"Um dos maiores erros da Nova Ordem em Timor foi destruir a estrutura social do povo timorense. E transplantar um sistema usado em Java e noutras aldeias da indonésia, sobrepondo-o à sociedade em Timor-Leste", explicou Yenni Wahid.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE