PUBLICIDADE
Actualidade

Deputado propõe lei que proíbe candidatura única a chefe do Governo de Macau

16 | 04 | 2019   10.25H

O deputado pró-democracia Sulu Sou anunciou hoje ter apresentado um projeto de lei na qual se exige um mínimo de dois candidatos nas eleições para chefe do Governo de Macau.

"O projeto de lei propõe que, sempre que, por qualquer motivo, o número de candidatos a chefe do executivo seja inferior a dois, (...) o processo de propositura se reinicie, até que haja, no mínimo, dois candidatos", pode ler-se na nota justificativa enviada à Assembleia Legislativa.

"Mesmo que seja impossível, a curto prazo, a escolha do chefe do executivo por sufrágio universal", pelo menos pode-se "definir condições sobre o número de candidatos, no sentido de garantir a mínima concorrência eleitoral, evitando o monólogo das eleições" e "melhorar, em certa medida, o nível da governação", sustentou o deputado.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE