25 Abril

BE pergunta se SNS vai andar de cravo ou ceder à pressão presidencial

25 | 04 | 2019   11.14H

O BE questionou hoje se "o Serviço Nacional de Saúde pode voltar a andar de cravo ao peito" ou se haverá cedência à pressão presidencial na Lei de Bases da Saúde, considerando que "o espírito de Abril está bem vivo".

"Hoje passam 45 anos da revolução de Abril. Os cravos nos nossos peitos devem ser mais que um enfeite na lapela. A esperança que voltou a sair à rua com a solução governativa alcançada em 2015 olha para estes cravos e pergunta o que faremos nas decisões fundamentais", afirmou o deputado do BE Jorge Falcato na sessão solene comemorativa do 45.º aniversário do 25 de Abril de 1974, na Assembleia da República, em Lisboa.

A questão da Lei de Bases da Saúde não foi esquecida pelo BE nesta cerimónia e Jorge Falcato questionou se "o Serviço Nacional de Saúde pode voltar a andar de cravo ao peito, como [António] Arnaut e [João] Semedo o sonharam, ou manterá a porta aberta para o negócio dos privados em cedência à pressão presidencial".

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • B É DEVEM -SE FAZER A VIDA É SÓ MAMAR TRABALHAR FAZ CALOS
    O povo | 25.04.2019 | 11.31Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não