PUBLICIDADE
Actualidade

Presidente brasileiro retira sigilo bancário às operações com recursos públicos

26 | 04 | 2019   03.24H

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, determinou na quinta-feira retirar o sigilo bancário às operações de crédito que envolvam recursos públicos ou firmadas por entidades públicas, ratificando um parecer da Advocacia-Geral da União (AGU).

"Nós temos que ser transparentes. Quantas vezes eu falei da 'caixa preta' do Banco Nacional de Desenvolvimento Económico e Social (BNDES)? Tem melhorado o BNDES? Tem melhorado sim, mas nós queremos algo que seja aberto a toda administração pública. Não pode existir mais aquela história de que determinado Ministério, banco oficial ou empresa estatal não podem [abrir os dados]", disse Bolsonaro ao assinar o documento, durante uma transmissão em direto na sua página na rede social Facebook.

O ato foi anunciado pelo advogado-geral da União, por André Mendonça, que explicou que terão acesso às informações órgãos como o Tribunal de Contas da União (TCU), a Polícia Federal e a Controladoria Geral da União (CGU).

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE