Actualidade

Perda de controlo e inexperiência de piloto ditaram acidente em Ponte de Sor -- relatório

26 | 04 | 2019   17.45H

O relatório do acidente aéreo de julho de 2018, em Ponte de Sor (Portalegre), aponta a perda de controlo da aeronave, devido às condições meteorológicas, e a inexperiência do piloto como causas da queda, foi hoje anunciado.

O relatório final do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários (GPIAAF), a que a agência Lusa teve hoje acesso, aponta como causas prováveis a "entrada inadvertida em IMC (condições meteorológicas de voo por instrumentos) com consequente desorientação espacial do aluno piloto devido à perda de referências visuais".

Confirmando que a aeronave que caiu em Ponte de Sor, um Cessna 152, "tinha todos os certificados e licenças válidos" e que os registos de manutenção indicam que "tinha sido mantida de acordo com os regulamentos e procedimentos existentes", o relatório final concluiu pela inexistência de mau funcionamento do avião.

Destak/Lusa | destak@destak.pt