PUBLICIDADE
Actualidade

Galerias do continente africano presentes pela primeira vez na ARCOlisboa

15 | 05 | 2019   21.42H

Galerias do continente africano marcam este ano presença pela primeira vez na ARCOlisboa - Feira Internacional de Arte Contemporânea de Lisboa, numa estreia com cerca de três dezenas de artistas de Angola, África do Sul, Moçambique e Uganda.

O certame, que hoje inaugurou oficialmente, optou por explorar galerias de um continente cuja arte contemporânea "está a gerar muito interesse", segundo a diretora da feira, Maribel Lopez, que este ano substitui Carlos Urroz.

Nessa linha, foi criada nesta quarta edição da ARCOlisboa, a secção África em Foco, com curadoria da arquiteta e curadora independente Paula Nascimento, que selecionou seis galerias africanas para estarem presentes transversalmente na feira, que até agora nunca tinha acolhido galerias daquele continente.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE