Actualidade

Quatro mortos na Caxemira indiana em tiroteio que originou protestos populares

16 | 05 | 2019   07.36H

Três rebeldes separatistas, um soldado do Exército e um civil morreram durante um tiroteio no território de Caxemira, informaram hoje as autoridades indianas, que foram de seguida obrigadas a um conter um protesto popular.

As autoridades indicaram que o tiroteio teve hoje início num bairro no sul da cidade de Pulwama, quando polícias e soldados vasculhavam a área à procura de rebeldes que lutam contra a presença indiana em Caxemira.

Dois soldados e o irmão do civil morto também ficaram feridos nos combates.

Destak/Lusa | destak@destak.pt