PUBLICIDADE
Actualidade

ONG considera infelizes declarações de PR moçambicano sobre violência contra ativistas

16 | 05 | 2019   10.38H

O escritório moçambicano do Instituto de Comunicação Social da África Austral (MISA-Moçambique) considerou hoje infelizes as declarações do Presidente da República de que a violência contra um jornalista e um académico não está relacionada com as suas funções.

Filipe Nyusi disse, em entrevista ao semanário Canal de Moçambique que os investigadores das agressões a Ericino de Salema, jornalista e ativista social, e a José Macuane, académico e comentador político, estariam relacionadas com "causas sociais e outras explicações" e não com os seus pronunciamentos públicos.

"Quando procurei saber dos investigadores o que terá acontecido, eles disseram-me outras coisas que não têm nada a ver (...) falavam de coisas de ordem social ou qualquer outra explicação", afirmou o chefe de Estado moçambicano.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE