Actualidade

MP pede julgamento de ex-diretor do Museu da Presidência da República

16 | 05 | 2019   12.34H

O Ministério Público (MP) pediu hoje o julgamento do antigo diretor do Museu da Presidência da República Diogo Gaspar, por abuso de poder, participação económica em negócio, falsificação de documento, peculato, tráfico de influência e branqueamento de capitais.

Nas suas alegações no debate instrutório da "Operação Cavaleiro", que tem quatro arguidos, o procurador do MP disse que mantinha a acusação nos exatos termos, dado que "o relato da acusação revela um conjunto de factos atentatórios e criminosos" e que o arguido devia ser pronunciado pelos mesmos.

O procurador enumerou uma série de provas testemunhais e documentais que, em seu entender, sustentam a acusação destes crimes económico-financeiros contra Diogo Gaspar.

Destak/Lusa | destak@destak.pt