Europeias

"No dia 26 de maio também se decide o salário" -- Catarina Martins

17 | 05 | 2019   23.57H

A coordenadora nacional do BE, Catarina Martins, defendeu hoje que em 26 de maio, dia das eleições, "também se decide o salário", avisando que quem chegar atrasado às europeias, "chega atrasado em outubro" para "aumentar os direitos".

No comício da campanha eleitoral que hoje à noite decorreu em Aveiro, Catarina Martins discursou antes da cabeça de lista do BE às europeias, Marisa Matias, e focou-se na "luta pelo salário em Portugal".

"É este o caminho, nem mais nem menos, que está em debate nestas eleições europeias. No dia 26 de maio também se decide o salário. Sabemos de experiência feita", sublinhou.

Destak/Lusa | destak@destak.pt