PUBLICIDADE
Actualidade

Fridman chega a acordo com Santander e salva supermercados DIA da falência

20 | 05 | 2019   19.10H

O maior acionista da cadeia de supermercados DIA, Mikhail Fridman, confirmou hoje a assinatura de um acordo com o Santander para desbloquear o aumento de capital necessário para a empresa se salvar da falência técnica.

Num comunicado enviado à Comisión Nacional del Mercado de Valores (CNMV), a LetterOne, empresa através da qual Fridman controla 69,76% da cadeia de supermercados dona em Portugal do Minipreço, explicou que já estão cumpridas duas das três condições necessárias para iniciar a recapitalização de 500 milhões de euros da empresa.

Além do sucesso da Oferta Pública de Aquisição (OPA) e do acordo com os credores, o magnata russo exigia ter a maioria dos membros do Conselho de Administração da empresa, o que espera que aconteça em breve.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE