PUBLICIDADE
Actualidade

Regime chinês conseguiu ocultar furos deixados por balas de Tiananmen

25 | 05 | 2019   08.28H

Nascido em 1989, o chinês Jiahao só soube passadas quase três décadas, quando estudava nos EUA, que a 04 de junho daquele ano o exército do seu país matou centenas de estudantes que exigiam reformas políticas.

Após pesquisar no Google - motor de busca bloqueado na China -, ele entendeu finalmente o "misto de curiosidade e cautela" com que os seus colegas norte-americanos lhe perguntavam o que achava do 04 de junho de 1989.

"Até então, respondia sempre com uma pergunta: mas o que se passou nesse dia?", recorda à agência Lusa.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • No Largo do Carmo também foram ocultados os efeitos deixados pela tropa do Salgueiro Maia. Se fossem dar banho ao cão com estas notícias de treta.
    Dono dos Burros | 25.05.2019 | 14.21Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE