PUBLICIDADE
Actualidade

Companhia Nacional de Bailado vai fazer protesto na China a 11 e 12 de junho

09 | 06 | 2019   19.38H

Os bailarinos da Companhia Nacional de Bailado (CNB) vão fazer um protesto na terça e na quarta-feira, em Pequim, na China, onde estarão para apresentar espetáculos, de acordo com uma decisão do plenário realizado na quinta-feira.

Este protesto está enquadrado nas greves que os trabalhadores do Teatro Nacional de São Carlos (TNSC) e da Companhia Nacional de Bailado (CNB) iniciaram na sexta-feira, e que irão manter até haver garantias da parte do Ministério das Finanças, em relação às suas reivindicações.

De acordo com as conclusões do plenário de quinta-feira, "foi ainda decidido que os bailarinos e técnicos da CNB que nos dias 11 e 12 de junho irão estar na China em espetáculo, com a presença de representantes estatais, nomeadamente a Ministra da Cultura, Graça Fonseca, irão estar em protesto".

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Ahhhh e daí diz-se que é "efeito borboleta"!!! Pois que, quando uma borboleta bate as asas na China gera uma tempestade no outro lado da terra! Onde é que eu já ouvi visto?
    anónimo | 09.06.2019 | 21.23Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE