PUBLICIDADE
Actualidade

Mais de 160 mortos após duas semanas de violência na RDCongo - Autoridades locais

18 | 06 | 2019   15.33H

Duas semanas de violência entre comunidades de Ituri, nordeste da República Democrática do Congo (RDCongo), fizeram já mais de 160 mortos em várias aldeias na região e estão na origem de muitos deslocados, disse hoje o governador da província.

Jean Bamanisa, o governador de Ituri, disse à agência Associated Press (AP) que foram encontrados até agora 161 corpos e que as autoridades estão ainda a tentar determinar a escala da violência.

As autoridades militares congolesas acreditam que os agentes da violência são combatentes de milícias da comunidade de pastores lendu, associados a Mathieu Ngudjolo, absolvido da acusação de crimes de guerra pelo Tribunal Penal Internacional em 2012.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE