PUBLICIDADE
Actualidade

Docentes pedem mais tempo para decidir sobre recuperação do serviço de serviço

24 | 06 | 2019   17.18H

Os professores pedem mais três semanas para poder escolher a forma de recuperação parcial do tempo de serviço congelado, alegando que a quatro dias do fim do prazo continua a haver informações contraditórias e insuficientes.

"As situações anómalas não param de surgir, boa parte devido a incorretas informações prestadas pelas direções das escolas ou pela administração educativa", afirma a Federação Nacional de Professores (Femprof) em comunicado.

Os docentes têm até sexta-feira para escolher se preferem recuperar de uma só vez ou de forma faseada os dois anos, nove meses e 18 dias de tempo de serviço congelado.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE