PUBLICIDADE
Incêndios

GPIAAF alerta regulador para que garanta "escrupulosa" avaliação dos meios aéreos

24 | 06 | 2019   18.00H

O organismo que investiga acidentes com aeronaves alertou a Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) para que garanta "um escrupuloso processo de avaliação técnica" dos meios aéreos contratados pelos operadores para o combate aos incêndios rurais.

O alerta do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários (GPIAAF) surge após detetar falhas do piloto e da gestão operacional e organizacional da empresa Everjets na queda do Eurocopter AS350, em julho de 2017, quando se preparava para combater um incêndio no concelho de Alijó, distrito de Vila Real.

"O regulador (ANAC) deverá estar atento à introdução dos equipamentos [meios aéreos] em elevado número e diversidade nas operações nacionais, garantindo um escrupuloso processo de avaliação técnica, por forma a minimizar os riscos da aparente inevitabilidade de reforço de frota dos operadores, para fazer face aos desígnios nacionais", sublinha o relatório do GPIAAF, a que a agência Lusa teve hoje acesso.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE