PUBLICIDADE
Actualidade

Moradores do prédio Coutinho "ocupam ilegalmente" propriedade do Estado - VianaPolis

24 | 06 | 2019   18.35H

O presidente da Câmara de Viana do Castelo acusou hoje os últimos 11 moradores do prédio Coutinho de "ocupação ilegal" de "propriedade do Estado", garantindo que a VianaPolis "recorrerá a todos meios legais para tomar posse das habitações.

"As pessoas, neste momento, estão a desobedecer a uma decisão do tribunal, que é a de terem que abandonar as frações porque são propriedade da VianaPolis. O que estamos a fazer é a tomar posse, efetiva das frações porque a ocupação por parte das pessoas, neste momento, configura uma ocupação ilegal", disse José Maria Costa.

A VianaPolis é detida em 60% pelo Estado e em 40% pela Câmara de Viana do Castelo.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

2 comentários

  • Este presidente é? socialista. Bingo!!!! Acertou. Mas esta pergunta era fácil. Sacanices são coisas que lhes estão na massa do sangue, desde os tempos do Só Ares.
    Dono dos Burros | 25.06.2019 | 00.36Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Construi-se um prédio que obedeceu a todos os requisitos legais que depois foi vendido em propriedade horizontal e ocupado pelos seus proprietários. E depois aparecem uns maduros que não gostam arquitectura e vai daí fazem uma lei que atribui a propriedade a uma instituição para ser demolido. Nem Salazar cometia tamanho crime. Se a moda pega quem se atreverá a fazer novas construções?! Se não gostavam da arquitectura negociavam a compra para depois demolirem e não abusar das delegações de competências para fazer lei a impor a expropriação do imóvel para satisfação de meia dúzia!
    Jesus Cristo laico | 24.06.2019 | 23.25Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE