PUBLICIDADE
Actualidade

Programa de assistência a Angola teve um "início promissor" - FMI

25 | 06 | 2019   11.31H

O Fundo Monetário Internacional disse hoje que a implementação do programa de assistência financeira a Angola teve um "início promissor" apesar dos riscos que o país enfrenta, mas que estão a ser combatidos pelo Governo.

"O programa teve um início promissor, todos os critérios de desempenho foram cumpridos à exceção de um, e as quatro metas indicativas foram cumpridas, algumas por uma larga margem", escrevem os técnicos do FMI, na análise detalhada à primeira revisão do Programa de Financiamento Ampliado que Angola assinou com o Fundo em dezembro, no valor de 3,7 mil milhões de dólares (3,24 mil milhões de euros).

Os preços mais baixos do petróleo teriam um impacto nas receitas petrolíferas, alargando o défice da balança corrente e dificultariam o crescimento económico, acrescentam, contrapondo que, perante este cenário, as autoridades angolanas "estão a implementar uma resposta política apropriada a esta perspetiva sombria de evolução da economia, através de um orçamento suplementar conservador para este ano, fontes alternativas de financiamento mais barato e estão a progredir para um regime cambial mais flexível".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE