PUBLICIDADE
Actualidade

Grupo de trabalho recomenda ao Governo que faça alterações de fundo no SIRESP

27 | 06 | 2019   08.20H

O grupo de trabalho sobre o SIRESP recomenda que o Governo faça alterações de fundo na rede que podem custar até 25 milhões de euros para que seja mais seguro e dependa menos da Altice e Motorola.

De acordo com as conclusões do relatório que vai ser apresentado hoje no Parlamento e a que o Público teve acesso, o Sistema Integrado de Redes de Emergência e Segurança de Portugal (SIRESP) "já foi pior, mas não é seguro", sobretudo em "situações extraordinárias".

Por isso, os técnicos recomendam um conjunto de melhorias que no total vão implicar "um investimento de entre 20 a 25 milhões de euros".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE