PUBLICIDADE
Actualidade

Poeta e ensaísta cubano Roberto Fernández Retamar morre aos 89 anos

21 | 07 | 2019   02.55H

O poeta e ensaísta cubano Roberto Fernández Retamar, Prêmio Nacional de Literatura e presidente da prestigiosa Casa das Américas, morreu este sábado em Havana, aos 89 anos.

"Perdemos um dos maiores poetas e pensadores da Nossa América e do mundo: Roberto Fernández Retamar. Deixa-nos um trabalho excepcional, focado na descolonização e anti-imperialismo", escreveu na rede social Twitter o ex-ministro da Cultura da ilha, Abel Prieto.

Jornalista, poeta, ensaísta, professor universitário e diplomata, Fernández Retamar (1930-2019) começou a trabalhar muito cedo como jornalista na revista "Alba", para a qual entrevistou o vencedor do Prémio Nobel da Literatura norte-americano Ernest Hemingway.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE