PUBLICIDADE
Actualidade

Faturas detalhadas de telecomunicações estão a confundir os clientes - Deco Proteste

23 | 07 | 2019   09.04H

As faturas detalhadas de telecomunicações, adotadas na sequência da decisão da Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom), estão a confundir os clientes, revelou hoje a Deco Proteste, que considerou que a medida do regulador deve ser aperfeiçoada.

No âmbito da decisão da Anacom, passou a surgir um novo tipo de fatura que tem de incluir o detalhe mínimo definido pelo regulador, onde é indicado o fim do período de fidelização do contrato (caso seja cliente fidelizado) e o custo da rescisão antecipada do contrato à data de emissão.

A medida entrou em vigor em 25 de maio e obriga as operadoras de telecomunicações a fornecerem estas informações de forma gratuita aos clientes que pedirem fatura com detalhe mínimo, em papel ou em formato digital.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE