PUBLICIDADE
Óbito/Helena Matos

PR lamenta morte da pianista que dedicou a "vida inteira à música"

25 | 07 | 2019   13.29H

O Presidente da República lamentou hoje a morte da pianista Helena Matos, aos 100 anos, "depois de uma vida longa e distinta, inteiramente dedicada à música", publicou na página oficial da Presidência.

Artista distinguida com a Medalha de Mérito Cultural do Ministério da Cultura, em 2017, Helena Matos morreu, na noite de terça-feira, em sua casa, em Lisboa, disse à agência Lusa fonte da família.

"À família de Helena Matos apresento as minhas sentidas condolências, exprimindo o meu reconhecimento por uma vida inteira dedicada à música", afirma Marcelo Rebelo de Sousa, num comunicado publicado hoje no 'site' da Presidência.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Todos os dias morre gente que dedicou a vida inteira a trabalhar. Haja vergonha. Na república era suposto todos os cidadãos serem iguais. Mas há uns mais iguais que outros. Até como cristão, que me dizem que é, lhe fica mal. Deixe-se do politicamente correcto. Ou lamenta todos individualmente ou cala-se.
    Dono dos Burros | 25.07.2019 | 13.56Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE