PUBLICIDADE
Actualidade

Amadora-Sintra com escalas ilegais na urgência na obstetrícia - Ordem dos Médicos

09 | 08 | 2019   13.31H

O hospital Amadora-Sintra tem escalas de urgência de obstetrícia que são "de todo ilegais", avisa a Ordem dos Médicos, que relata que os médicos fazem sete bancos de 24 horas em cinco semanas.

"As urgências do Fernando Fonseca não correspondem a uma escala mínima. As maternidades do país deviam ter oito equipas com cinco elementos para cobrir todo o mês. Há hospitais que tiveram de passar para sete equipas. O Fernando Fonseca passou para seis equipas com quatro elementos e fazem sete bancos de 24 horas em cinco semanas. É de todo ilegal", declarou à agência Lusa o presidente da secção regional do Sul da Ordem dos Médicos.

Alexandre Valentim Lourenço indica que em 50 fins de semana, os médicos da urgência de obstetrícia do Amadora-Sintra "estão ocupados em 30 fins de semana".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE