PUBLICIDADE
Motoristas

Trabalhadores a funcionar a 100% mas só oito horas - sindicato

13 | 08 | 2019   07.37H

Todos os motoristas de matérias perigosas estão hoje a trabalhar, no segundo dia de greve e primeiro em que funciona a requisição civil decretada na segunda-feira pelo Governo, garantiu o representante sindical destes trabalhadores.

"Estão 100% dos trabalhadores a trabalhar", afirmou o porta-voz do Sindicato dos Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP), Pedro Pardal Henriques, em Aveiras de Cima, Lisboa, à porta da sede da CLC - Companhia Logística de Combustíveis.

O Governo decretou na segunda-feira uma requisição civil dos motoristas em greve para assegurar o abastecimento da Rede de Emergência, aeroportos, postos servidos pela refinaria de Sines e unidades autónomas de gás natural.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

3 comentários

  • Este POVINHO é uma grande MERDA de FACHO que por aqui anda ao serviço do capitalismo e sentado numa cadeira aí num escritório da ANTRAM. MÃO DE FERRO PRECISAVAS TU NESSES CORNOS, ou então aí na UGT ou CGTP-in.
    povo | 13.08.2019 | 15.40Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • O QUE É PRECISO É MÃO DE FERRO E NADA MAIS
    O povinho | 13.08.2019 | 09.58Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • O governo cautelosamente fez requisição civil parcial ,pois se fosse total as cadeias nao xegariam para tantos presos e a greve manter-se-ia.A escalada de retaliação vai criar maior revolta.O governo confrontado cum uma situação delicada e complexa ameaça com prisão,desemprego e multas os motoristas vao reagir de foram abrupta e o GOVERNO fica em maus lençois pu vao acatar?!
    Cisterna | 13.08.2019 | 09.07Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE