PUBLICIDADE
Actualidade

Barreiras no acesso a fármacos colocam "doentes em risco de vida" - Ordem dos Médicos

10 | 09 | 2019   06.45H

O Conselho Nacional da Ordem dos Médicos entende que há clínicos que estão a ser "impedidos de proteger a vida de doentes com cancro", denunciando barreiras no acesso a "medicamentos potencialmente inovadores" que colocam "doentes em risco de vida".

O órgão máximo da Ordem quer que sejam diretamente responsabilizados os diferentes peritos envolvidos na cadeia de acesso ao medicamento por decisões erradas que impeçam de "preservar a vida de doentes com cancro".

"Negar no SNS o acesso dos doentes a medicação com efeito comprovado na diminuição do risco de recidiva ou no aumento da probabilidade de sobrevivência constitui uma situação muito grave, ainda mais quando sabemos que, em muitos casos, a mesma medicação está livremente disponível para uso no setor privado e social", refere a posição assumida pelo órgão máximo da Ordem dos Médicos e a que a agência Lusa teve acesso.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE