PUBLICIDADE
Moçambique/Dívidas

Governo diz que restruturação não viola decisão do Conselho Constitucional

11 | 09 | 2019   13.46H

O ministro da Economia e Finanças moçambicano disse hoje que o Governo está a respeitar a decisão do Conselho Constitucional (CC) de anular a dívida "oculta" da Ematum, mas assinalou que serão ressarcidos apenas os credores de "boa fé".

"O Governo respeita as deliberações das nossas instituições, a decisão do Conselho Constitucional é uma decisão que não pode ser anulada, tem que ser respeitada e nós estamos a respeitar", declarou Adriano Maleiane.

Adriano Maleiane explicou a decisão do executivo moçambicano, durante uma conferência promovida pela revista britânica Finnancial Times (FT) dedicada ao tema "Construindo a resiliência para um crescimento de longo prazo".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE