PUBLICIDADE
Incêndios

Helicóptero que caiu em Valongo colidiu com linhas elétricas

12 | 09 | 2019   18.18H

O balde do helicóptero que se despenhou durante o combate a um incêndio na localidade do Sobrado, concelho de Valongo, em 05 de setembro, causando a morte ao piloto, Noel Ferreira, colidiu com linhas elétricas, segundo a investigação.

O facto consta de uma nota informativa do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários (GPIAAF), a que a agência Lusa teve hoje acesso.

O Eurocopter descolou às 15:10 de uma base privada de Valongo com uma equipa de cinco bombeiros e o equipamento de combate a incêndios composto por cesto e balde. Após largar a equipa de intervenção no solo, e de ter sido posicionado o balde, o piloto voou para um ponto de água próximo para o primeiro abastecimento e descarga no incêndio.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE