PUBLICIDADE
Óbito/Roberto Leal

Presidente da República recorda cantor "com amizade"

15 | 09 | 2019   13.57H

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, recordou hoje "com amizade" o cantor português Roberto Leal, que morreu aos 67 anos, no Brasil, e sublinhou "o seu papel junto das comunidades portuguesas".

"O Presidente da República recorda Roberto Leal com amizade, lembrando o seu papel junto das comunidades portuguesas, nomeadamente no Brasil, com ligação às suas raízes, durante várias décadas", lê-se numa nota da Presidência da República, enviada à Lusa, em que Marcelo também expressa as suas condolências à família.

O cantor morreu na madrugada de hoje, em São Paulo.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

2 comentários

  • Até aparecia num reclame na TV acerca dos cogumelos mágicos! Agora, a culpa é do... cugumelo.
    Daaaa | 15.09.2019 | 15.55Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Tenham lá paciência. Isto sai do nosso bolso. Mas que raio de país em que isto se transformou Mas quem é esse de Roberto Leal? Camionista? Bate-chapas? ou chapeiro a escolha é vossa. Talhante? Agricultor? Pescador? Vigilante? Pescador? Mas quem nada faz na vida, quem nunca trabalhou, quem passou o tempo a dar música aos outros e a chorar que os artistas são uns coitadinho, é que é gente? E todos os outros incógnitos, que se foram? Alguns que até morreram vítimas das incúrias do Estado, a quem, o Costa Salazar dos tempos modernos, dizia que o Estado nada tinha que ver com aquelas mortes. Haja um mínimo de postura de Estado. Pagamos, podemos exigir que assim seja. Se não sabem ou já não se lembram, podem sempre procurar naquele personagem que não lhes é desconhecido até pessoalmente - SALAZAR, como é que ele agia?
    Dono dos Burros | 15.09.2019 | 15.38Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE