PUBLICIDADE
Actualidade

CEDEAO vai apoiar presidenciais na Guiné-Bissau com 1,3 milhões de euros - PM

16 | 09 | 2019   13.33H

O primeiro-ministro da Guiné-Bissau, Aristides Gomes, anunciou que a Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) vai dar um apoio de 1,3 milhões de euros às eleições presidenciais do país, marcadas para 24 de novembro.

"À margem das resoluções sobre o combate ao terrorismo, a cimeira de chefes de Estado e de Governo da CEDEAO decidiu apoiar a realização das eleições presidenciais de 24 de novembro na Guiné-Bissau com um valor de 1,5 milhões de dólares", escreveu o primeiro-ministro guineense no domingo ao final do dia na sua página oficial no Facebook.

Aristides Gomes participou no sábado na cimeira extraordinária de chefes de Estado e de Governo da CEDEAO sobre terrorismo, em Ouagadougou, Burkina Faso.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE