PUBLICIDADE
Actualidade

Antigo autarca de Cabeceiras de Basto condenado por peculato e falsificação

16 | 09 | 2019   15.17H

O Tribunal de Guimarães condenou hoje a quatro anos e quatro meses de prisão, com pena suspensa, um ex-presidente da Junta de Freguesia de Pedraça, Cabeceiras de Basto, que se apropriou indevidamente de quase 32 mil euros pertença da autarquia.

António Andrade, eleito pelo PS, terá ainda de pagar 490 euros de multa.

O antigo autarca foi condenado pelos crimes de peculato e falsificação de documentos.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE