PUBLICIDADE
Actualidade

Estudo prevê mais dois a três graus no Tâmega e Sousa nas próximas décadas

20 | 09 | 2019   18.54H

Um estudo do Tâmega e Sousa encomendado a três universidades, hoje revelado, prevê uma subida de temperatura no território de dois a três graus nas próximas décadas, com prejuízos na economia, perda de população e mais incêndios.

De acordo com o Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas no Tâmega e Sousa, os termómetros subirão em termos médios entre dois e três graus centígrados no período de análise, entre 2041 e 2070, com uma tendência acentuada nos territórios mais afastados do litoral e de altitude.

As previsões foram realizadas pela equipa multidisciplinar que realizou aquele trabalho, envolvendo especialistas das universidades do Porto, Minho e Trás-os-Montes e Alto Douro.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Incrível! Ficou de boca aberta. Não conseguem calcular os valores económicos do crescimento, do roubos dos impostos, da inflação, se vai chover amanhã e a que horas , mas sabem que vai subir "de 2 a 3 graus nas próximas décadas". Uma coisa vos digo. A sorte que vocês tiveram em não ser eu a decidir a aprovação de vocês em qualquer exame, porque estavam chumbados. Corja da mesma fornada do Falcão da "universidade" de Coimbra. É pelo cheiro que lá vão. Só que a mim cheira-me a estrume quando vocês estão por perto.
    Dono dos Burros | 20.09.2019 | 21.37Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE