PUBLICIDADE
Idai

Depois dos ciclones, praga devora milho de Moçambique e arruína camponeses

21 | 09 | 2019   05.01H

A organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO) prevê perdas avultadas na cultura de milho nas províncias fustigadas pelo ciclone Idai, devido a uma praga de lagartas, considerando severa a nova ameaça à frágil segurança alimentar.

O milho é um alimento base da dieta alimentar da maioria dos moçambicanos.

A FAO monitoriza a praga da lagarta de funil de milho nas zonas arrasadas pelo Idai, em março, através de uma aplicação para telemóveis.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE