PUBLICIDADE
Actualidade

Cerca de 30 trabalhadores "invadem" Minisério da Saúde em protesto

26 | 09 | 2019   15.46H

Cerca de 30 trabalhadores invadiram hoje a entrada do Ministério da Saúde num protesto sem aviso prévio, que pretende exigir respostas à ministra Marta Temido sobre questões laborais.

Sebastião Santana, da Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais, explicou à agência Lusa que o que estes trabalhadores reclamam é a resposta da ministra da Saúde à aplicação do contrato coletivo para os trabalhadores dos hospitais EPE das carreiras gerais, como assistentes, auxiliares e administrativos.

Pelas 15:00, o grupo de mais de 30 funcionários entrou no átrio do Ministério da Saúde, em Lisboa, onde vão gritando palavras de ordem como "ministra escuta trabalhadores estão em luta". Exibem ainda cartazes com frases como: "fartos de esperar" ou "Exigimos respostas".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE