PUBLICIDADE
Actualidade

Apenas 58 câmaras aceitaram todas as competências para 2020 dentro do prazo - DGAL

05 | 10 | 2019   17.27H

Apenas 58 dos municípios do continente declararam ao Governo que pretendem assumir em 2020 todas as competências a transferir do Estado central, de acordo com um mapa publicado pela Direção-Geral das Autarquias Locais.

O mapa inclui competências aceites por 246 das 278 câmaras do continente, das quais apenas 58 (menos de um quarto destas autarquias) declararam até 30 de setembro pretender assumir no próximo ano as 15 competências disponíveis, em áreas como justiça, cultura, educação, saúde, gestão de praias, exploração das modalidades de jogos de fortuna ou azar, e vias de comunicação.

A gestão de associações de bombeiros, estruturas de atendimento ao cidadão, habitação, património imobiliário publico sem utilização, estacionamento público, transportes em vias navegáveis interiores, áreas portuárias e áreas protegidas são outras das áreas sobre as quais os municípios deveriam aceitar ou não.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Este país já não tem muito por onde se lhe pegue. Mas por este andar, vai ficar totalmente desmantelado. Entregar seja o que for aos autarcas, é deitar dinheiro à rua. Nestas terriolas só há dois ou três que mandam e ninguém lhes pode fazer frente. O caciquismo não é passado, é presente. Depois é o costume, a empresa do filho da mulher do presidente é a fornecedora da autarquia do presidente, porque só há uma e não há mercado para mais nenhuma. Vias de comunicação? Se a manutenção já é uma m++++ e a sinalização outra m++++, vai passar a ser m++++ elevada à potência 278. Na roubalheira do estacionamento, estes fdap guardam para eles em frente da porta, estacionamento à borla e aos outros mandam pagar. GATUNOS! LADRÕES! São POLÍTICOS. Mas como não são burros, os Tribunal e os polícias do cangaço também comem desta mama. O CIDADÃO é que é a TETA que alimenta esta corja de parasitas. Competências para gerirem? devem estar a brincar. Que competências têm estas autarquias em zonas despovoadas, infestadas de velhos? Nenhumas. Só aqui ficam e trabalham, os que não foram capazes de irem para Lisboa, Porto Aveiro ou Setúbal. Para Coimbra não, não podem comer as VACAS. Modalidades de jogos de fortuna e azar? Eh pá! Mafiosos já eles são. Estas são daquelas coisas que nem se lhes pode dar a cheirar. Devia ter 20 anos para levantar voo e nunca mais aqui voltar.
    Dono dos Burros | 05.10.2019 | 22.10Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE