PUBLICIDADE
Actualidade

Tribunal recusa empréstimo do "Homem de Vitrúvio" de Da Vinci ao Museu do Louvre

08 | 10 | 2019   21.07H

A Justiça italiana bloqueou hoje o empréstimo a França de o "Homem de Vitrúvio", de Leonardo Da Vinci, da Academia de Veneza, que o Louvre esperava incluir na exposição que assinala os 500 anos da morte do génio renascentista.

A obra, um dos mais conhecidos desenhos de Leonardo, estava anunciada para a exposição do museu parisiense, a inaugurar no próximo dia 24, e deveria ser enviada para a capital francesa antes da abertura da exposição, noticiaram hoje os jornais italianos.

Esta e algumas outras obras de instituições públicas italianas estavam para ser emprestadas a Paris, no âmbito de um acordo entre os dois países, que também previa o empréstimo a Itália de algumas pinturas de Rafael, nos 500 anos da morte do outro mestre da Renascença, a assinalar em 2020.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Concordo em absoluto. Ainda por cima aos franceses, com a onda de incêndios suspeitos que por lá grassam (NATO e os seus guerreiros encobertos). As jóias que Portugal emprestou em 2002 à Holanda nunca mais regressaram. Logo à Holanda, que acha que fazemos parte dos PIGS. Não somos capazes de ter bolas e dizer a estes judeus que há, mas é cá!
    Dono dos Burros | 09.10.2019 | 00.57Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE