PUBLICIDADE
Actualidade

Vencedor do Nobel da Paz diz que este foi um prémio "dado a África"

11 | 10 | 2019   12.51H

O primeiro-ministro da Etiópia, Abiy Ahmed, vencedor do Nobel da Paz deste ano, disse hoje sentir-se "honrado" e "encantado" e considerou que este foi "um prémio dado à África".

"Creio que outros líderes em África pensam que é possível trabalhar nos processos de construção da paz no nosso continente", disse o jovem líder etíope, numa breve conversa por telefone com as instituições do Nobel.

Muitos etíopes já estão a manifestar a sua alegria com a entrega do prémio Nobel da Paz ao primeiro-ministro reformista e alguns até estão a mudar as suas fotos de perfil, nas redes sociais, para a de Abiy Ahmed.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE