PUBLICIDADE
Mau tempo/Leslie

Maioria dos viveiristas do distrito de Coimbra já trabalha sem limitações

12 | 10 | 2019   09.00H

A maioria dos viveiristas do distrito de Coimbra afetados pela tempestade Leslie, em outubro de 2018, está a trabalhar sem limitações, tirando "uma ou outra" exceção, segundo o presidente da associação que representa o setor.

Eduardo Videira, presidente da Associação de Viveiristas do Distrito de Coimbra (AVDC), disse à agência Lusa que a atividade "está agora a laborar como antes da tempestade".

"Estivemos um tempo com a situação complicada, porque não sabíamos o que fazer às plantas, mas agora está tudo normalizado", salientou o dirigente e empresário, referindo que o setor não diminuiu a atividade nem o número de trabalhadores.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE