PUBLICIDADE
Actualidade

Escritora Julieta Monginho venceu por unanimidade o Prémio Literário Fernando Namora

16 | 10 | 2019   11.48H

A escritora Julieta Monginho venceu por "unanimidade" o Prémio Literário Fernando Namora, com o romance "Um Muro no Meio do Caminho", anunciou hoje a Estoril-Sol, promotora do Galardão, no valor de 15.000 euros.

Na deliberação do júri, ao qual presidiu Guilherme d'Oliveira Martins, administrador da Fundação Calouste Gulbenkian, assinala-se que "Um Muro no Meio do Caminho" é um romance que se "constrói sobre uma das mais pungentes tragédias contemporâneas: a dos refugiados, sobretudo sírios, em fuga de loucuras humanas cada vez mais selváticas".

"Os tormentos experienciados em campos de refugiados, particularmente no campo da ilha de Scios, desenha o contexto em que Julieta Monginho situa a problemática deste drama contemporâneo", lê-se na decisão.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE