PUBLICIDADE
Guiné-Bissau/Eleições

PR acusa Governo de desvio de dinheiro para campanhas

19 | 10 | 2019   05.01H

O Presidente da Guiné-Bissau e recandidato nas eleições presidenciais de 24 de novembro acusa o atual Governo de financiar campanhas eleitorais com dinheiro do Estado, questionando o destino de cerca de 16 milhões de euros em títulos do Tesouro.

"O Governo faz a emissão de títulos de Tesouro num montante aproximado de 20 biliões de francos CFA, significa 32 milhões de euros. Desses, 16 milhões já receberam na primeira tranche e eu pergunto: para onde levaram esse dinheiro, esse dinheiro é para quê" - questiona José Mário Vaz, em entrevista à agência Lusa em Lisboa.

Referindo que o executivo "não paga salários a tempo e horas", o chefe de Estado manifesta também dúvidas sobre o destino das verbas que o Governo arrecada através da Direção-Geral das Alfândegas, da Direção-Geral de Contribuições e Impostos, dos fundos autónomos ou do apoio orçamental.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE