PUBLICIDADE
Actualidade

Ativista brasileiro vê semelhanças na chegada ao Parlamento de Ventura e Bolsonaro

21 | 10 | 2019   06.06H

O ativista brasileiro Anderson França encontra semelhanças na chegada ao Parlamento de André Ventura, em Portugal, e de Bolsonaro à Câmara dos Deputados, no Brasil, e recomenda que esta nova presença seja estudada e levada a sério.

A viver em Portugal há cerca de um ano - decisão que tomou a 28 de outubro, quando Jair Bolsonaro foi eleito Presidente do Brasil - o ativista brasileiro Anderson França refere-se ao atual chefe de Estado do seu país como alguém que faz "leituras históricas com rancor" e "acusa os governos de corrupção, sem provas e com o objetivo de mobilizar o senso comum e isso gera ódio na população".

Uma postura que identifica no recém-eleito deputado André Ventura, que representa a chegada da extrema-direita ao Parlamento português.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE