PUBLICIDADE
Actualidade

Atrasos nos processos a médico são inaceitáveis - Conselho Superior da Ordem

22 | 10 | 2019   16.02H

O presidente do Conselho Superior da Ordem dos Médicos considera inaceitáveis os atrasos nos processos que devem ser avaliados pelo conselho disciplinar do Sul, indicando que será necessário um reforço dos meios.

Em declarações à agência Lusa, José Manuel Silva, responsável do Conselho Superior da Ordem, afirma que recebeu na segunda-feira um pedido de intervenção feito pelo bastonário dos Médicos sobre a questão dos processos em atraso no conselho disciplinar do Sul, organismo que tem a cargo analisar as queixas contra o médico Artur Carvalho, envolvido no caso do bebé que nasceu em Setúbal com várias malformações graves.

Alguns dos processos contra o médico Artur Carvalho estarão para ser analisados desde 2013, segundo informação da Ordem.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE