PUBLICIDADE
Actualidade

Novas formas de tabaco têm outros tóxicos com risco acrescido para a saúde - Especialista

09 | 11 | 2019   21.29H

O cigarro eletrónico e o tabaco aquecido possuem tóxicos que não existem nos cigarros tradicionais, com riscos acrescidos para a saúde humana, podendo mesmo a vir a causar novas doenças, defendeu hoje, em Albufeira, uma médica pneumologista.

"Quer nos cigarros eletrónicos, quer no tabaco aquecido, existem outros tóxicos que não existem no cigarro tradicional e que têm riscos acrescidos para a saúde humana, incluindo o risco de desenvolver cancro", referiu Sofia Ravara, pneumologista e professora de Medicina Preventiva.

Em declarações à Lusa, à margem do 35.º Congresso de Pneumologia, que hoje encerrou em Albufeira, a especialista sublinhou que, mesmo tendo menos tóxicos do que os tradicionais, "os cigarros eletrónicos têm outro tipo de tóxicos que os cigarros não têm", nomeadamente, metais pesados.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • O grande problema foi que combateram o tabaco para induzir as pessoas a fumar marijuana e, eis senão quando..., aparece esta alternativa do cigarro electrónico a estragar-lhes o negócio. Sentem-se, porque a indústria da marijuana vai ter de inventar muitas mais histórias trágicas até os seus agentes governamentais proibirem também o cigarro electrónico, a não ser que ele uso a ervinha...
    Banda | 10.11.2019 | 02.15Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE