PUBLICIDADE
Actualidade

Rui Rio considera que "silenciar" deputados únicos contraria valores da democracia

12 | 11 | 2019   12.56H

O presidente do PSD, Rui Rio, defendeu hoje um "estatuto diferente" para os deputados únicos em relação aos grupos parlamentares, mas manifestou-se contra "silenciar completamente a sua voz", considerando que tal contraria os valores democráticos.

No dia em que a comissão parlamentar de Assuntos Constitucionais, Direitos Liberdades e Garantias se reúne de forma extraordinária para debater os tempos de intervenção dos deputados únicos dos partidos Chega, Iniciativa Liberal e Livre, Rui Rio pronunciou-se sobre o tema na sua conta oficial da rede social Twitter.

"Os partidos com apenas um deputado não são um grupo parlamentar e isso implica, obviamente, um estatuto diferente do dos outros pela sua reduzida dimensão. Mas daí a se silenciar completamente a sua voz vai uma grande distância. Os valores da democracia não toleram esse exagero", escreveu o também líder parlamentar do PSD.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE