PUBLICIDADE
Actualidade

Um terço dos problemas cardíacos conseguem ser detetados antes do bebé nascer

16 | 11 | 2019   09.15H

Cerca de um terço dos problemas cardíacos conseguem ser detetados antes do bebé nascer, segundo a diretora do Serviço de Cardiologia Pediátrica do Centro Hospitalar Lisboa Central, que realiza mais de 100 ecocardiogramas fetais por mês.

"No nosso país cerca de 30 a 35% por cento [das anomalias cardíacas] conseguem ser detetados na vida pré-natal. Os números são baixos por vários motivos", afirmou Fátima Pinto em entrevista à agência Lusa, a propósito dos 50 anos do Serviço de Cardiologia Pediátrica do Hospital Santa Marta, criado pela cardiologista Fernanda Sampayo e que foi pioneiro no país.

A cardiologista pediátrica explicou que a realização do ecocardiograma fetal implica ter um técnico cardiologista pediátrico especializado e aparelhos com capacidade técnica para fazer "exames bem feitos e com a qualidade de imagem" que não deixe dúvidas.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE