PUBLICIDADE
Actualidade

Ministra garante que fecho da urgência pediátrica noturna no Garcia de Orta é temporário

18 | 11 | 2019   23.57H

A ministra da Saúde assegurou hoje que o encerramento à noite da urgência pediátrica do Hospital Garcia de Orta, em Almada, é temporário e que tentará que a situação "dure o menos tempo possível".

"A posição do Hospital Garcia de Orta, sendo um hospital de tampão para a península de Setúbal, é um hospital que tem de ter a urgência noturna aberta", afirmou Marta Temido no âmbito de uma visita ao centro de saúde Rainha Dona Leonor, em Almada, que está aberto até mais tarde para tentar suprir a falta da urgência pediátrica hospitalar.

À chegada ao centro de saúde, onde foi interpelada por utentes sobre a situação do Garcia de Orta, a ministra indicou que o encerramento no período noturno da urgência pediátrica é uma situação que se deseja que se mantenha pelo "menor tempo possível".

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Desde que se entrou na EU/CEE há livre circulaçao de pessoas e bens genéricamente.Esta circulaçao e informaçao chega a toda a nova geraçao e emigraçao é uma possibilidade .A emigraço de quadros médicos e enfermagem é uma realidade incontornável pois quando escolhem os cursos sabem á partida que nao terao lugares disponiveis e preparam-se para sairem do País desde muito cedo.Com esta realidade criada o SNS e Sistema vao ter dificuldades em reter os ditos profissionais.O fisco é tambem uma das razoes da fuga além de poderem realizar-se profissionalmente sem limitaçoes e burocracia asfixiante.A globalizaçao tudo mudou pois exite emigraço de quadros para a AUSTRALIA;DUBAI;KATAR;EUA etc.Damásio está em PORTUGAL!!Portugal deixou de ser para as novas geraçoes uma zona de conforto pois está em geral atrasado 40 a 50 anos em muitas areas.
    Vitor | 24.11.2019 | 14.51Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE